1.6.14

Ressaca
aquarela

1.5.14

Pinturas Paisagens

Rio Entardecer
acrílica sobre papel aquarela



Armação Rio
acrílica sobre papel aquarela






Pontal
aquarela





Piratininga
acrílica sobre tela



Decolagem ao entardecer
acrílica sobre tela



GÁVEA
aquarela





Noronha
óleo sobre tela






Ressaca
 acrílica sobre papel aquarela



Escuta Interna - Jardim Botânico
acrílica sobre tela



Meu Rio
acrílica sobre tela

1.4.14

O Caminho da Pintura


Cultivar o caminho da pintura é sublimar a arte ao cultivo espiritual, nisso consiste a principal influência da pintura chinesa sobre a obra de ESTEVAM RIBEIRO. Fora algumas diferenças técnicas, tanto no material, como no próprio uso das técnicas (cores, perspectivas, incidência de luz e sombras), seu trabalho sofre uma voluntária influência desta cultura há mais de 30 anos, quando iniciou sua prática de Tai Ji Quan.
Outra grande influência na sua arte é a do “olhar do viajante”, especificamente a do aeronauta, profissão que exerceu por mais de 21 anos.
Seu pai era piloto, o olhar de pássaro já frequentava a sua temática antes mesmo de se tornar aeronauta. Este olhar também é influenciado pela cartografia, profissão que sua mãe exercia junto com as artes plásticas.
Para ele, a paisagem única interior muda como tudo, mas no seu próprio tempo, com suas próprias dimensões, com sua luz própria. A Arte como tudo, está em contínua expansão e recolhimento.
Outra grande influência foi o I Ching, que estuda desde 1983.
Um caminho, “Do”, “Tao”, é mais do que um Caminho, é a maneira de caminhar, é aquele que caminha, é a maneira de ver e viver as coisas.
A natureza das coisas se manifesta através da mutação, para ele, a mutação na composição da pintura se manifesta no cheio e no vazio. Cheio e vazio determinam a agilidade e equilíbrio dinâmico da composição, permitindo a sugestão de ritmo assim como a vitalidade pró-criativa.
Nesta mutação reside o Tao.
Quando arte se torna caminho, via,  ela entra em sintonia com o fluxo do Universo.Este “seguir a natureza das coisas” não é de forma alguma um dogma, mas ao se afastar da Natureza constantemente, onde se pode  chegar?
Na sua arte, o principal é transmitir o fluxo do sopro vital de uma maneira harmônica, que possa gerar o estado de ressonância, ideal para o desenvolvimento meditativo, tanto do espectador como do artista. ESTEVAM RIBEIRO estudou pintura chinesa em Hong Kong, pintura, escultura e gravura no Parque Laje e Licenciatura em Educação Artística no Bennett, assim como executou trabalhos de mural com obras no Brasil, na Espanha e na Suiça. Fez várias exposições no Brasil e na Suíça.

                                            Denise Queiroz
Profissional em Medicina Chinesa, Tai Ji Quan e Yoga



1.2.14

Desenhos



Ken Qian
grafite




Ipanema
grafite



Gávea, Rio, China
grafite



Zhen Qian
grafite



Tui Ken
grafite




14.11.11


Nada no mundo se compara à persistência. Nem o talento; não há nada mais comum do que homens malsucedidos e com talento. Nem a genialidade; a existência de gênios não recompensados é quase um provérbio. Nem a educação; o mundo está cheio de negligenciados educados. A persistência e determinação são, por si sós, onipotentes.